COLETÂNEA MÉDICA 2018

COLETÂNEA MÉDICA 2018

  • 60 Horas de duração
  • 148 Aulas
  • 20 Módulos
  • 1 ano de suporte
Parcele em 10x R$ 160,00 (ou R$ 1.600,00 à vista)
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
Medicine Cursos

COLETÂNEA DAS PRINCIPAIS AULAS EM CLINICA MEDICA DE DIVERSOS CURSOS, ABORDANDO TEMAS NECESSÁRIOS PARA O DIA A DIA DO CLINICO GERAL 

2 anos Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 2 anos após a matrícula.

CLÍNICOS / EMERGENCISTAS / ALUNOS DE MEDICINA 

Medicine Cursos
""


Conteúdo Programático

  • 1. IMUNOBIOLÓGICOS NA ASMA - Dr. Fábio F. Morato Castro
  • 2. ASMA DE DIFÍCIL CONTROLE - Dr. Clovis Galvão
  • 1. DERMATITE DE CONTATO - Kers.n Tanigushi Abagge
  • 2. TEMAS ESSENCIAIS PARA A PRÁTICA CLÍNICA - Virgínia Paes Leme Ferriani
  • 3. NÃO PARECE, MAS É IMUNODEFICIÊNCIA - Pérsio Roxo
  • 4. DISCUSSÃO
  • 5. DERMATITE ATÓPICA - Patrícia Salles Cunha
  • 6. CORTICOTERAPIA TÓPICA NA DERMATITE ATÓPICA: COMO OTIMIZAR E AUMENTAR A SEGURANÇA - Antonio Carlos Pastorino
  • 7. PROGRAMA CEDA: SUPORTE E EDUCAÇÃO EM DERMATITE ATÓPICA - Ariana Yang
  • 1. HIPERTENSÃO REFRATÁRIA - Prof. Dr. Luciano Ferreira Drager
  • 2. HIPONATREMIA - Prof. Dr. Antônio Carlos Seguro
  • 3. NEFROPATIA DIABÉTICA: NOVAS ALTERNATIVAS DE TRATAMENTO - Profa. Dra. Irene de Lourdes Noronha
  • 4. DISCUSSÃO FINAL
  • 5. ARTRITE REUMATOIDE - Dra. Karina Rossi Bonfiglioli
  • 6. FIBROMIALGIA - Dr. Diogo Souza Domiciano
  • 7. OSTEOPOROSE - Profa. Dra. Rosa Maria Rodrigues Pereira
  • 1. DOENÇAS INFLAMATÓRIAS E DISABSORTIVAS DO TRATO DIGESTÓRIO. DO DIAGNÓSTICO AO TRATAMENTO - Coordenador: Dr. Wallace Newton Scott Jr. - Dr. Wilson Roberto Catapani - Dr. Marcelo Alexandre Francato
  • 2. INSUFICIÊNCIA CARDÍACA - Coordenador: Dr. Abrão José Cury Jr. - Dr. Stevan Krieger Martins - Dr. Adriano Carneiro - Dra. Fátima Dumas Cintra Luiz
  • 3. DOENÇA CORONARIANA - Coordenador: João Manoel T. dos Santos - Dr. Dikran Armaganijan - Dr. Luiz Eduardo Mastrocolla - Dr. Manuel Nicolas Cano
  • 1. 16 - ESTADIAMENTO POR IMAGEM US & RM ENDOMETRIOSE PROFUNDA - Manoel Orlando da Costa Gonçalves
  • 2. MESA-REDONDA: ENDOMETRIOSE PROFUNDA ESTADIAMENTO RADIOLÓGICO POR US-3D - Doryane Lima
  • 3. ENDOMETRIOSE INTESTINAL - INDICAÇÕES DO TRATAMENTO CIRÚRGICO E TÉCNICA - Victor Edmond Seid
  • 4. SESSÃO DE VÍDEOS CONVIDADOS - ENDOMETRIOSE: RESSECÇÃO RADICAL SEGMENTAR - Gustavo Kurachi Cascavel Brasil
  • 5. ENDOMETRIOSE INTESTINAL - Duarte Miguel Ribeiro
  • 6. CASOS DIFÍCEIS - Univaldo E. Sagae
  • 7. DEBATE
  • 1. DERMATOLOGIA PEDIÁTRICA - PRINCIPAIS DOENÇAS NO CONSULTÓRIO - Dra. Ana Cláudia Gallelo
  • 1. TIREOTOXICOSE: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO - Suemi Marui
  • 2. NÓDULOS DE TIREOIDE: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO - Rosalinda Yossie Asato de Camargo
  • 3. CÂNCER DE TIREOIDE: ATUALIZAÇÃO - Debora Lucia Seguro Danilovic
  • 4. DISCUSSÃO
  • 5. FORMA NÃO CLÁSSICA DA DEFICIÊNCIA DA 21-HIDROXILASE: DO DIAGNÓSTICO AO TRATAMENTO - Tânia Sanchez Bachega
  • 6. HIPERALDOSTERONISMO PRIMÁRIO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO - Madson Almeida
  • 7. INDICAÇÕES E MANUSEIO DA BOMBA DE INSULINA - Márcia Queiroz
  • 8. CONDUTA PRÉ E PÓS OPERATÓRIA DA OBESIDADE GRAU III - Maria Edna de Melo
  • 9. DISCUSSÃO
  • 1. CURSO CUIDADO DE PESSOAS COM DIABETES TIPO 2 NA ATENÇÃO PRIMÁRIA
  • 2. CLASSIFICAÇÃO DO DIABETES COM ÊNFASE NO DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL DE VÁRIOS TIPOS DE DIABETES E QUAL O IMPACTO QUE ISTO PODE TER NO TRATAMENTO
  • 3. TRATAMENTO DA HIPERGLICEMIA NO DIABETES TIPO 2
  • 4. TRATAMENTO DE DOENÇAS ASSOCIADAS AO DIABETES COM ÊNFASE NO TRATAMENTO DE OBESIDADE, HIPERTENSÃO E HIPERLIPEMIA. RASTREAMENTO DE COMPLICAÇÕES CRÔNICAS COM ÊNFASE NOS EXAMES QUE AVALIAM: 1- PÉ EM RISCO 2- RISCO DE DOENÇA MICRO E MACROVASCULAR
  • 5. TRATAMENTO DO DIABETES TIPO 2 DURANTE INTERNAÇÃO HOSPITALAR - PALESTRANTE: Márcia Nery ( FMUSP / SP) - COORDENADORA: Maria Adelaide Albergaria Pereira ( FMUSP / SP) - COORDENADOR: Luiz Roberto Salgado ( HC-FMUSP / SP)
  • 6. CONFERÊNCIA MAGNA RESHAPING THE EPIGENETIC LANDSCAPE IN DIABETIC KIDNEY DISEASE - Andrew Advani ( University of Toronto)
  • 7. SIMPÓSIO HIPERGLICEMIA - Erika Bezerra Parente ( Santa Casa-SP / SP)
  • 8. CICATRIZAÇÃO EM AMBIENTE HIPERGLICÊMICO - Marinilce Fagundes dos Santos ( ICB-USP / SP) - Ilana Eshriqui Oliveira ( FSP-USP / SP)
  • 9. MICROBIOTA INTESTINAL E SUA VARIAÇÃO COM CONTROLE METABÓLICO GLICÊMICO, HÁ RELAÇÃO? - Carla Taddei de Castro Neves (USP / SP) - Delane Schapira Wajman (FCMSCSP)
  • 1. ENVELHECIMENTO FUNCIONAL NOVOS MÉTODOS DE AVALIAÇÃO FÍSICA - Maria do Carmo Sitta
  • 2. DEFININDO ENVELHECIMENTO FUNCIONAL PONTO DE VISTA COGNITIVO - Daniel Apolinario
  • 3. DEFININDO ENVELHECIMENTO FUNCIONAL PONTO DE VISTA PSÍQUICO/SOCIAL - Valmari Cristina Aranha
  • 4. DISCUSSÃO
  • 5. REABILITAÇÃO CARDÍACA NO IDOSO PÓS INFARTO DO MIOCÁRDIO - Amanda Gonzales Rodrigues
  • 6. PERSPECTIVAS ATUAIS NO TRATAMENTO DA DEGENERAÇÃO MUSCULAR RELACIONADA Á IDADE - DMRI - Marcela Cypel
  • 7. DOENÇA DE PARKINSON AVANÇADA: ESTRATÉGIAS PARA MANUTENÇÃO DA FUNCIONALIDADE - Mônica Santoro Haddad
  • 8. DISCUSSÃO
  • 1. MESA REDONDA - GINECOLOGIA NO DIA A DIA DO CONSULTÓRIO - ANTICONCEPCIONAL HORMONAL E TROMBOSE: COMO ORIENTAR - Nilson Roberto de Melo
  • 2. INFERTILIDADE E TROMBOFILIA: COMO CONDUZIR - Pedro Augusto Monteleone
  • 3. LARCS: QUANDO INDICAR - Isabel Cristina Sorpreso
  • 4. ADENOMIOSE: COMO DIAGNOSTICAR E CONDUZIR - Mauricio Abrão
  • 5. DISCUSSÃO
  • 6. MESA REDONDA 4 - DIAGNÓSTICO EM GINECOLOGIA - Sergio Podgaec
  • 7. TESTES FUNCIONAIS: QUANDO INDICAR E COMO INTERPRETAR - Gustavo Rosa Maciel
  • 8. TESTES GENÉTICOS - CÂNCER DE MAMA - José Roberto Filassi
  • 9. RESSONÂNCIA MAGNÉTICA, TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA E PET SCAN: QUANDO INDICAR E COMO INTERPRETAR - Carlos Alberto Buchpiguel
  • 10. DISCUSSÃO
  • 1. CURSO: INDICADORES EM SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO - Coordenador: Fernando Akio Mariya
  • 2. CURSO: INDICADORES EM SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO - Coordenador: Fernando Akio Mariya
  • 3. CURSO: INDICADORES EM SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO - Coordenador: Fernando Akio Mariya
  • 4. CURSO: GESTÃO DE SAÚDE POPULACIONAL - Coordenador: José Domingos Neto
  • 5. SIMPÓSIO TRANSTORNOS MENTAIS RELACIONADOS AO TRABALHO - Moderadora: Vera Zaher - Palestrante: André Ehrmann Brasiliense Fusco
  • 6. SIMPÓSIO TRANSTORNOS MENTAIS RELACIONADOS AO TRABALHO - Moderadora: Vera Zaher - Palestrante: Flavio José Gosling
  • 1. ÁGUA E RIM: METABOLISMO E ÁGUA COMO MEDICAMENTO - Nestor Schor
  • 2. ORIENTAÇÃO DIETÉTICA PARA O PACIENTE COM LITÍASE RENAL - Ita Pfeferman Heilberg
  • 3. SÍNDROME CARDIORRENAL - Luis Yu
  • 1. NEUROINTENSIVISMO: CONCEITOS BÁSICOS
  • 2. HEMODINÂMICA ENCEFÁLICA: CONCEITOS ATUAIS E APLICAÇÕES CLÍNICAS
  • 1. CASOS CLÍNICOS
  • 2. EXERCÍCIO NA OSTEOARTRITE - Ricardo Munir Nahas
  • 3. OSTEOARTRITE: REPENSANDO CONDUTAS - Flavio Calil Petean
  • 4. FRATURAS POR OSTEOPOROSE - Alexandre Fogaça Cristante
  • 5. OSTEOPOROSE DO QUADRIL: LIMITES DO TRATAMENTO CLÍNICO - Rodrigo Guimarães
  • 6. COMBINED DEFORMITIES IN TKA: TOWARD A CUSTOMIZED ALIGNMENT - M. Bonnin
  • 7. USO DE CONDROPROTETORES: QUAL A EVIDÊNCIA CINETÍFICA? - Gustavo Constantino de Campos
  • 8. LESÃO CONDRAL NO ATLETA - Adriano Marques de Almeida
  • 9. TRATAMENTO CIRÚRGICO DAS LESÕES MUSCULARES - Alberto de Castro Pochini
  • 10. TRÍADE DA MULHER ATLETA - Ana Paula Simões
  • 11. DOPAGEM NO ESPORTE - Bernardino Santi
  • 12. RIO 2016: OLYMPIC AND PARALYMPIC GAMES - Antonio Marttos
  • 13. REABILITAÇÃO DO ATLETA DE ALTO NÍVEL - Flavio Bryk
  • 14. INFECÇÃO PÓS OSTEOSSÍNTESE - José Octavio Soares Hungria
  • 15. FALHA DA OSTEOSSÍNTESE: O QUE FAZER? - Thomas Gaia
  • 16. REVISÃO DE ATQ: O QUE ESPERAR? - Itiro Suzuki
  • 17. REVISÃO DE ATJ: O QUE ESPERAR? - Gilberto Luis Camanho
  • 1. DETECÇÃO PRECOCE DO CÂNCER INFANTIL - Vicente Odone Filho
  • 2. SUICÍDIO NA ADOLESCÊNCIA - Benito Lourenço
  • 3. ``GROWING UP MILKS´´ NOVAS RECOMENDAÇÕES - Rebens Feferbaum
  • 4. A IMPORTÂNCIA DE UMA ESCOLHA BASEADA EM EVIDENCIA - Denise Lellis
  • 5. A CRIANÇA COM INFECÇÕES DE REPETIÇÃO - Antonio Carlos Pastorino
  • 6. ASPECTOS PREVENTIVOS DA CONSULTA DO ADOLESCENTE - Lígia Bruni Queiroz
  • 7. QUANDO PENSAR EM LÚPUS ERITEMATOSO SISTÊMICO JUVENIL (LESJ)? - Clovis Artur Almeida Silva
  • 8. AVALIAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO INFANTIL - Ana Paula Scoleze Ferrer
  • 9. O LACTENTE COM CHORO INCONSOLÁVEL: PODE SER CÓLICA? - Ana Escobar
  • 10. AVALIAÇÃO DA CRIANÇA COM DIFICULDADE DE APRENDIZADO - Mariana Facchini Granato
  • 1. CURSO: EPILEPSIA - MÓDULO 1 - NO MEIO DE TANTOS FÁRMACOS COMO ESCOLHER O MELHOR TRATAMENTO PARA UM PACIENTE COM EPILEPSIA - Luiz Henrique Martins Castro (SP)
  • 2. MANEJO FARMACOLÓGICO DAS EPILEPSIAS COM POLITERAPIA: COMO DEFINIR AS MELHORES ASSOCIAÇÕES DE FÁRMACOS ANTIEPILÉTICOS - Fernando Cendes (SP)
  • 3. DEBATE
  • 4. MÓDULO 2 - CRISES NÃO-EPILÉPTICAS PSICOGÊNICAS: OLHANDO DE FRENTE O TEMA UMA COISA QUE (ÀS VEZES) QUEREMOS VER PELAS COSTAS - Gislaine Baroni (RS)
  • 5. DEBATE
  • 6. MESA REDONDA: OLHANDO NO FUNDO DO CÉREBRO PARA ENTENDER AS DOENÇAS MENTAIS E ESTILOS DE VIDA - Suzanne Haber (Estados Unidos)
  • 7. A DEPRESSÃO É UMA DOENÇA DO SISTEMA DE RECOMPENSA? - Patricio Riva Posse (Estados Unidos)
  • 8. O “ SEEKING SYSTEM”: PADRÕES DE ATIVAÇÃO ESTRIATAL E OS JEITOS DE ANDAR PELO MUNDO - (UM TRIBUTO A JAAK PANKSEPP) - André Palmini (RS)
  • 9. DISCUSSÃO
  • 1. DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DO CÂNCER DE MAMA NA GESTAÇÃO - José Roberto Filassi
  • 2. CÂNCER DE MAMA NO HOMEM - Antonio Frasson
  • 3. TERAPIA SISTÊMICA NO CÂNCER DE MAMA MASCULINO - Carlos H. dos Anjos
  • 4. USO RACIONAL DA LITERATURA PARA ABORDAGEM DA AXILA - José Luiz B. Bevilacqua
  • 5. MARGIN WIDTH IN BREAST CONSERVING SURGERY: NO INK ON TUMOR? - Alastair M. Thompson
  • 6. CANCER DE MAMA HEREDITÁRIO - UM GUIA RÁPIDO PARA SE PEDIR TESTES GENÉTICOS - Bernardo Garicochea
  • 7. DUAL NEOADJUVANT THERAPY FOR HER2+ DISEASE - Mark Pegram
  • 8. HISTÓRIA DA MASTOLOGIA BRASILEIRA - Hiram Silveira Lucas
  • 9. DISCUSSÃO INTERATIVA DE CASOS CLÍNICOS
  • 1. SESSÃO MULTIPROFISSIONAL - PROTOCOLO SEPSE: HÁ DIFERENÇAS ENTRE HOSPITAIS GERAIS E SERVIÇOS ESPECIALIZADOS? - Ana Paula Veiga
  • 2. DESAFIOS NA TRIAGEM - Juliana Farias de Sousa
  • 3. DIFERENÇAS NO FLUXO DO ATENDIMENTO - Antonio Bafi
  • 4. PECULIARIDADES EM CUIDADOS PALIATIVOS? - Mariana Sarkis
  • 5. DISCUSSÃO
  • 6. BASIC SESSION - PERSONALIZED MEDICINE - THE HOST PROFILE DEFINES THE CLINICAL PRESENTATION - Fernando Cunha
  • 7. IS THERE A ROLE FOR TELEMORE SHORTENING? - Francisco Soriano
  • 8. GASEOUS TRANSMISSOR: WHAT ARE THEY? - Csaba Szabo
  • 9. DISCUSSÃO
  • 10. MEDICINA DE PRECISÃO: O FUTURO CHEGOU - Ricardo Diaz
  • 11. OMICS - Reinaldo Salomão
  • 12. DISCUSSÃO
  • 13. SESSÃO TEMÁTICA: REABILITANDO O SOBREVIVENTE APÓS A ALTA - Ana Beatriz Salgueiro
  • 14. LIMITAÇÕES PSICOLÓGICAS: COMO DIAGNOSTICAR PRECOCEMENTE E INTERVIR - Renata Fumis
  • 15. RECUPERAÇÃO NUTRICIONAL: UM PASSO FUNDAMENTAL - Patricia Stanich
  • 16. DISCUSSION
  • 1. REDUÇÃO DA MORTALIDADE POR SEPSE: ENVOLVIMENTO DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL - Izabela Tortoza
  • 2. DISFUNÇÃO RESPIRATÓRIA E MOTORA: QUEM PODE AJUDAR? - Ivens Giacomassi
  • 3. O ESTRESSE APÓS A SEPSE - Renata Rego Lins Fumis
  • 4. DISFAGIA: CAUSA OU CONSEQUÊNCIA? - Camila Fussi
  • 5. DISCUSSÃO
  • 6. COAGULATION IN SEPSE: FRIEND OR FOE? - Tom Van Der Poll
  • 7. WHY THE ANTI-TLR HAVE FAILED? - Fernando Q. Cunha
  • 8. BACK TO THE BENCH THE NEW VASOPRESSORS - Jamil Assreuy
  • 9. DISCUSSÃO
  • 10. MECHANISMS OF RESOLUTION IN SEPSIS - Fernando A. Bozza
  • 11. ALTERAÇÕES EPIGENÉTICAS NA SEPSE - Francisco Garcia Soriano
  • 12. MECHANISMS OF SEPSES-INDUCED IMMUNOSUPPRESSION - Jose Carlos Alves-Filho
  • 1. FAST: TÉCNICA E APLICAÇÕES CLÍNICAS - Dr. Fabio Augusto Cardillo Vieira
Voltar ao topo