VIII Congresso Interuniversitário de  Flebologia, Linfologia e Estética (Cópia)

VIII Congresso Interuniversitário de Flebologia, Linfologia e Estética (Cópia)

  • 17 Horas de duração
  • 75 Aulas
  • 3 Módulos
  • de suporte
  • Certificado de conclusão
Parcele em 10x R$ 120,00 (ou R$ 1.200,00 à vista)
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
Medicine Cursos

A Associação Brasileira de Flebologia e Linfologia teve o privilégio de organizar a VIII edição do INTERUNIVERSITY, pela primeira vez no Brasil juntamente com o 8º BIMEP. A VII edição aconteceu na Argentina ano passado, e contou com a participação de 1200 participantes. Este formato que congrega pesquisadores, profissionais e estudantes, vem de encontro com a expectativas da categoria em ter as áreas de Flebologia, Linfologia e Estética, vistas com um olhar microscópico abordando a realidade dos estudos, acompanhando a inovação e a tecnologia que transformam a vida das pessoas.

Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até após a matrícula.

Cirurgião Vascular / Vascular 

Medicine Cursos
""


Certificado de horas de atualização*. 

* Não válido como participação do evento, bem como a pontuação do CNA

* Certificado concedido a mais de 70% de audiência das aulas.

Conteúdo Programático

  • 1. A UIP E OS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO EM FLEBOLOGIA A NÍVEL INTERNACIONAL E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL E NA AMÉRICA LATINA - Angelo Scuderi
  • 2. A EVOLUÇÃO DA FLEBOLOGIA NO BRASIL - Carlos Carvalho
  • 3. DE DONDE VENIMOS Y HACIA DONDE VAMOS EM LA ESPECIALIDAD FLEBOLOGIA - Oscar Hugo Bottini
  • 4. FISIOTERAPIA DI LINFEDEMA - Henrique Jorge Guedes Neto
  • 5. TRATAMENTO CIRÚRGICO DO LINFEDEMA - Jose Luiz Cataldo
  • 6. LIPEDEMA - DIAGNÓSTICOS E TRATAMENTO - Alexandre Amato
  • 7. FLEBOEXTRAÇÃO POR EVERSÃO DA VEIA SAFENA MAGNA UMA ALTERNATIVA À TERMOABLAÇÃO - Regis Fernando Agnes
  • 8. CIRURGIA VENOSA – COMPLICAÇÕES LINFÁTICAS - Jose Luiz Cataldo
  • 9. TRATAMENTO COM LASER TRANSDÉRMICO DE PEQUENOS VASOS - Rodrigo Kikuchi
  • 10. FOAM ECO-GUIADA COMO TRATAMIENTO DE LA INSUFICIENIA VENOSA CRÓNICA Y LA ÚLCERA VENOSA - Oscar Regalado
  • 11. HIPERCROMIA PÓS ESCLEROTERAPIA - Maria de Lourdes Kafrouni
  • 12. DISCUSSÃO
  • 13. FOAM ECO-GUIADA COMO TRATAMIENTO DE LA INSUFICIENCIA VENOSA CRÓNICA Y LA ÚLCERA VENOSA - Oscar Regalado
  • 14. 10 YEARS OF ENDOLASER – WHAT DO WE LEARN? - C. Bone
  • 15. NEW ENDOLASER HORIZON: FOAM ASSOCIATION - C. Bone
  • 16. ABLAÇÃO DE VEIA SAFENA PARVA COM ENDOLASER - Luciane Barreneche
  • 17. CENTRO PARAGUAYO DE VARICES COM LASER- Victor Canata
  • 18. TRATAMENTO DE PERFURANTES COM LASER - Oscar Hugo Bottini
  • 1. TRATAMENTO DE SAFENAS COM CIANOACRILATO: TÉCNICA BÁSICA - Augusto Sampaio
  • 2. CIANOACRILATO: DIFERENÇAS FUNDAMENTAIS ENTRE OS PRODUTOS OFERECIDOS NA EUROPA - Augusto Sampaio
  • 3. COMO TRATAR A TROMBOSE VENOSA PROFUNDA INFRAPATELAR (TVP-IP) - Robson De Miranda
  • 4. DISCUSSÃO
  • 5. COMO EU TRATO AS COMPLICAÇÕES PÓS ESCLEROTERAPIA - Ligia Kogos
  • 6. HIPERCROMIAS PÓS ESCLEROTERAPIA VENOSA - Claudio Roncatti
  • 7. VULNERABILIDADE SIGILO E CONSENTIMENTO - Anderson Gariglio Rocha
  • 8. BIG DATA – EM MEDICINA E DOENÇAS VENOSA: UMA NECVESSIDADE PARADIGMA - Hector Jimenez
  • 9. QUAIS SÃO AS FORMAS DE ENXERGAR (E CONSEGUIR) O SUCESSO PROFISSINAL - Rodrigo Kikuchi
  • 10. SEGURANÇA DO PACIENTE EM FLEBOLOGIA - Anderson Gariglio Rocha
  • 11. REGISTROS FOTOGRÁFICOS EM FLEBOLOGIA ESTÉTICA - Julio Ferreira
  • 12. O ENSINO DA LINFOLOGIA NO BRASIL É A GRANDE ESQUECIDA NA FORMAÇÃO DE VASCULARES E FLEBOLOGISTAS? - Jose Maria Pereira de Godoy
  • 13. MÉTODO GODOY PARA TRATAMENTO DE LINFEDEMA - Jose Maria Pereira de Godoy
  • 14. GUIDELINES NOVOS ANTICOAGULANTES ORAIS NOACS - Luciano Cabral Albuquerque
  • 15. COMPRESSÃO ELÁSTICA OU INELÁSTICA: QUAL A MELHOR OPÇÃO PARA A CICATRIZAÇÃO DAS ÚLCERA VENOSA? - Livia Lira
  • 16. O QUE MUDOU NA CONDUTA DA ÚLCERA VENOSA? - Juliana Puggina
  • 17. QUANDO DEVEMOS PESQUISAR OBSTRUÇÕES VENOSAS PROXIMAIS NO PACIENTE COM ÚLCERA VENOSA? - Fabio Henrique Rossi
  • 18. DISCUSSÃO
  • 19. COMPLICAÇÕES EM FLEBOLOGIA ESTÉTICA - Julio Ferreira
  • 20. COMO EVITAR COMPLICAÇÕES NO TRATAMENTO DAS VARIZES COM MICROESPUMA - Juliana Lopes
  • 21. CORONA FLEBECTASICA – COROA FLEBECTASICA E TELANGIECTASIAS DE DIFÍCIL RESPOSTAS: COMO IDENTIFICAR E COMO TRATAR - Roberto Simkin
  • 22. TRATAMIENTO COMBINADO DE LAS TELANGIECTASIAS COM ESCLEROTERAPIA Y RADIOFRECUENCIA TRANSDÉRMICA - Mabel Bussati
  • 23. TELEANGIECTASIAS Y VEIAS RETICULARES ATÉ ONDE SEGUIR O REFLUXO - Oscar Hugo Bottini
  • 24. SAFENA PARVA INSUFICIENTE – OPÇÕES DE TRATAMENTO NÃO CIRÚRGICO - Carlos Alberto M Carvalho
  • 25. DISCUSSÃO
  • 26. MICROCIRCULACION VENOSA PELVICA. INCOPETENCIA MICRO VALVULAR Y VALVULAR PEVICA - Hector Jimenez
  • 27. STENT VENOSO & SÍNDROME POSTROMBÓTICO (PTS), LESIONES DEL SECTOR LLIO-CAVO - Marcelo Dandolo
  • 28. PROTOCOLO DE TRATAMIENTO SÍNDROMES CONGESTIVOS Y COMPRESIVOS DEL ABDOMEN Y DE LA PELVIS - Oscar Gural Romero
  • 29. FOLLOW THE STAR - Sergio Gianesini
  • 30. REVISÃO SISTEMÁTICO DE DIFERENTES – TRATAMENTOS PARA VEIA SAFENA MAGNA - Nathassia Padua Domingues
  • 31. PROTOCOLO INNOVADOR EM EL MANEJO DEL PACIENTE COM LINFEDEMA - Mabel Bussati
  • 32. MANEJO DA DOENÇA VENOSA CRÊNICA EM UM SERVIÇOS COM ALTA DEMANDA DE PACIENTES - Oscar Hugo Bottini
  • 1. QUAIS PARAMETROS DEVO SEGUIR NA TERMOABLAÇÃO VENOSA COM LASER 1470? - Pedro Paulo Mantonaccio
  • 2. TRATAMENTO DE RETICULARES COM ESPUMA - Eduardo Trindade Barbosa
  • 3. A FLEBECTOMIA SERÁ MINHA PRIMEIRA INDICAÇÃO? COMO INDICAR DIVERSAS TÉCNICAS PARA A MESMA DOENÇA? - Calogero Presti
  • 4. LASER TRANSDÉRMICO NA PRÁTICA DIÁRIA - DICAS E TRUQUES - Bernardo Barros
  • 5. ANGIOMAS DE CARA Y CUELLO – DIAGNÓSTICO Y TRATAMENTO - Roberto Simkin
  • 6. DISCUSSÃO
  • 7. PANORAMA ATUAL DA LINFOLOGIA NO BRASIL - Henrique Jorge Guedes Neto
  • 8. DIAGNÓSTICO DA LINFEDEMA - Alexandre Amato
  • 9. ASPECTOS SOCIAIS DO LINFEDEMA - Anderson Gariglio Rocha
  • 10. TRATAMENTO PERCUTÂNEO E CIRÚRGICO DA LINFOCELE - Sergio Belczak
  • 11. A TERAPIA DE COMPRESSÃO NA DVC E SUAS EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS - Marcondes Figueiredo
  • 12. A IMPORTÂNCIA DA FLEBOLOGIA NA FORMAÇÃO DO RESIDENTE DE CIRURGIA VASCULAR - Francine Eliza Faccin
  • 13. A FORMAÇÃO DO FLEBOLOGISTA NA UNIVERSIDADE DE BUENOS AIRES - Marcondes Figueiredo
  • 14. DISCUSSÃO
  • 15. REFLEXÕES SOBRE 15 ANOS - Francisco Reis Bastos
  • 16. TÉCNICAS DE ESCLEROTERAPIA COM ESPUMA EM VEIAS COLATERAIS - Eduardo Toledo
  • 17. DISCUSSÃO
  • 18. TRATAMENTO EXTRA PÉLVICO DE LOS PUN TOS DE FUGA. ECOESCLEROSE - Juan Antonio Nigro
  • 19. NEW ENDOLASER HORIZON: FOAM ASSOCIATION - C. Bone
  • 20. TECNICA DE ECOESCLEROSIS EN VENA SAFENA MAGNA - Juan Antonio Nigro
  • 21. HIPERCROMIAS COMPLICACION DE LA ESCLEROTERAPIA - Juan Antonio Nigro
  • 22. COMPRESSÃO NA ESCLEROTERAPIA - Francisco Reis Bastos
  • 23. ESCLEROTERAPIA COM ESPUMA DA SAFENA PARVA - Francisco Reis Bastos
  • 24. COMPARAÇÃO DOS MÉTODOS DE ABLAÇÃO ENDOVENOSO - Sergio R Tiossi
  • 25. A INÉRCIA E O EFEITO ESPUMA - Francisco Reis Bastos
Voltar ao topo